IGTV | POR TAINÁ ALMEIDA



Já tem um tempinho que o Instagram lançou o e logo no começo as pessoas ficaram num frenesi enorme. Ainda no começo eu comecei uma pesquisa e um teste para entender melhor o que era isso.

Foi lançado como uma revolução no modo de assistir vídeos online. Pelo menos esse foi o anúncio do IG, mas essa possibilidade já era uma realidade no yt há mais de um ano, já era possível upar vídeos no formato 9:16, mas ninguém usa, não é mesmo?
A primeira coisa que podemos observar é que o Instagram está reunindo muitos aplicativos famosos, acompanha meu raciocínio. 

Fonte: https://www.tecmundo.com.br/redes-sociais/131655-instagram-comeca-liberar-videochamadas.htm
Começou como um app para colocar fotos, adicionar amigos, criou a DM, foi possível começar a colocar vídeos, vieram os stories, vieram os vídeos de mais de um minuto, o ao vivo, ao vivo com DUAS PESSOAS, IGTV, video chat na DM com até QUATRO pessoas. O que virá depois?






O que o Bonner mais fala é sobre filmar na horizontal para poder aparecer na TV. E precisamos concordar, este é o formato mais confortável para ver vídeos. Imagina ver um jogo de futebol na vertical? A Copa do Mundo seria um horror, eu acho.



A pergunta que todo mundo está fazendo é:
Mas então, para que serve o IGTV se temos os stories?
Eu vejo como duas plataformas diferentes. Os stories é para tudo, qualquer coisa, é para contar minha vida, sua vida, uma curiosidade, colocar gente gritando, são só 15 segundos. A gente gasta só esse tempo gravando algo e estamos dispostos a não ter ninguém assistindo, suave. Mas se você roteriza, produz, grava e edita um vídeo de 10 minutos, isso já é bastante trabalho e por isso todos esperamos obter resultados.
Há algum tempo já tenho percebido que os stories de vídeo começaram a travar muito e acho que o IGTV é a resposta. As fotos nos stories têm muito mais aderência, as pessoas se relacionam mais.

Tá, mas ok, se são duas plataformas preciso de dois conteúdos? Sim!

Fiz um teste no meu próprio canal colocando um vídeo do meu youtube editado e o resultado não ficou bom. Não excluí porque era um teste mesmo.
A forma de comunicar é diferente. Me acompanha de novo… tudo que mexer na tela muito rápido, o que for cortado, tudo isso causará estranhamento. Simplesmente não dá pra pegar um vlog de viagem gravado em 16:9 sem estabilizador e cortar uma parte dele para colocar no IGTV, fica desconfortável. As proporções são diferentes, galere. O que esperamos ver na tela também é diferente. Acredito que em algumas semanas começaremos a ver o tipo de conteúdo que o IGTV merece ter. Mais uma dica, por ali são vão sobreviver os vídeos com qualidade boa, com enquadramento bom. Não vai adiantar criar um vídeo para o yt e cortar ele pra cá, ninguém vai ver.

https://www.instagram.com/tv/BkvcyYwAElB/

Como podem perceber, eu também ainda não encontrei o meu rumo certo. Esse formato de gravar com a câmera baixa também é esquisito.
Depois de pesquisar canais relevantes, perguntar nos facebook e no twitter, os únicos canais que pipocaram foram os de marcas mesmo. 


Fique com o meu questionamento, será que não existe conteúdo bom porque ainda não é monetizado?


Gifs e stickers: https://giphy.com

Comentários

Postagens mais visitadas